noticias Seja bem vindo ao nosso site Rede Se Liga - O Portal de Notícias que mais cresce no mundo!!

Mundo

Exclusiva: Cinco revelações da reunião pública da Nasa sobre Óvnis

800 relatórios misteriosos - mas apenas uma pequena fração é verdadeiramente inexplicável, dizem os pesquisadores.

Publicada em 31/05/2023 às 21:15h - 8955 visualizações

Mike Wendling (BBC NEWS) , com tradução e adaptação de Mônica Gruel (Correspondente EUA)


Compartilhe
Compartilhar a noticia Exclusiva:  Cinco revelações da reunião pública da Nasa sobre Óvnis  Compartilhar a noticia Exclusiva:  Cinco revelações da reunião pública da Nasa sobre Óvnis  Compartilhar a noticia Exclusiva:  Cinco revelações da reunião pública da Nasa sobre Óvnis

Link da Notícia:

Exclusiva:  Cinco revelações da reunião pública da Nasa sobre Óvnis
 (Foto: NASA (National Aeronautics and Space Administration - Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço))

A agência criou o painel no ano passado para explicar seu trabalho sobre o que chama de fenômenos anômalos não identificados (UAP). São definidos como avistamentos "que não podem ser identificados como aeronaves ou fenômenos naturais conhecidos de uma perspectiva científica". O painel, que emitirá um relatório ainda este ano, realizou sua primeira reunião pública na quarta-feira.

Aqui estão alguns dos momentos reveladores.

Muitos avistamentos podem ser explicados - outros permanecem um mistério

“Temos de 50 a 100 novos relatórios a cada mês”, disse Sean Kirkpatrick, diretor do Escritório de Resolução de Anomalias de Todos os Domínios (AARO) da Nasa.

Um relatório separado do Pentágono em 2021 disse que de 144 avistamentos de pilotos militares feitos desde 2004, todos, exceto um, permaneceram inexplicáveis. As autoridades não descartaram a possibilidade de que os objetos sejam extraterrestres.

Privacidade limita investigações da Nasa

O Sr. Kirkpatrick também observou que as preocupações com a privacidade limitam as investigações da agência. "Podemos apontar o maior aparato de coleta de todo o globo para onde quisermos", disse. "Muito do que temos está nos Estados Unidos continentais", acrescentou. "A maioria das pessoas... não gosta quando apontamos todo o nosso aparato de coleta para o seu quintal."

Microondas e ilusões de ótica

Os dados relacionados ao UAP geralmente são difíceis de interpretar e podem ser facilmente distorcidos. David Spergel, presidente da equipe UAP da Nasa, mencionou uma explosão de ondas de rádio captadas por pesquisadores na Austrália."Eles tinham uma estrutura muito estranha. As pessoas não conseguiam entender o que estava acontecendo. Então começaram a notar muitos deles amontoados na hora do almoço", disse ele.

Descobriu-se que os instrumentos sensíveis usados pelos pesquisadores captavam sinais de um micro-ondas usado para aquecer seus almoços. Scott Kelly, um ex-astronauta e piloto com décadas de experiência, contou uma história sobre uma ilusão de ótica.

Ele e seu co-piloto estavam voando perto de Virginia Beach e seu colega "estava convencido de que voamos perto de um OVNI". "Eu não vi. Nós nos viramos, fomos olhar, descobrimos que era Bart Simpson - um balão."

Estigma e assédio dificultam a pesquisa

Os pilotos comerciais relutam muito em relatar avistamentos, disse Spergel, por causa do estigma em torno dos discos voadores. “Um de nossos objetivos é remover o estigma”, disse ele, “porque há necessidade de dados de alta qualidade para abordar questões importantes sobre UAPs”.

E alguns cientistas enfrentaram assédio online por seu trabalho na área. “O assédio apenas leva a uma maior estigmatização do campo UAP, dificultando significativamente o processo científico e desencorajando outros a estudar este importante assunto”, disse o chefe de ciência da Nasa, Nicola Fox.

Nova era de transparência

Uma das razões pelas quais a reunião de quarta-feira é tão notável é a mudança de abordagem da Nasa. A agência espacial passou décadas desmascarando avistamentos de OVNIs. No final da audiência, o painel respondeu a perguntas do público. Uma delas era "O que a Nasa está escondendo?"

Dan Evans, da Nasa, respondeu que a agência está comprometida com a transparência. "É por isso que estamos aqui ao vivo na TV hoje", disse ele.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (75)98175-7158

Visitas: 11753997
Copyright (c) 2024 - Rede Se Liga - O Portal de Notícias que mais cresce no mundo! - Todos os direitos reservados para a Rede Se Liga de Comunicação
Chama no zap e interaja conosco!